Um som que não sai da cabeça é Bumbum paticumbum prugurundum. Assim já dá para entender a importância de celebrar o samba raiz. O Museu do Samba é o centro de referência e memória do samba carioca. Afinal a identidade do brasileiro guarda relação com a evolução desse ritmo. Dessa forma o projeto celebra a ancestralidade africana e a difusão cultural.

O Museu do Samba

O Museu possui um Acervo de História Oral do Samba. Assim o visitante ouve depoimentos de personalidades ligadas ao universo do samba. O prédio fica no Rio de Janeiro e possui uma estátua de Cartola. Além de exposições itinerantes e permanentes,  o lugar também abre espaço para oficinas, projetos de cultura do samba para escolas e roda de samba 

A origem Museu do Samba – antes Centro Cultural Cartola

O Centro Cultural Cartola foi fundado em 2001 na Mangueira. A homenagem veio de sua família de Cartola. E após uma ampliação o Centro Cultural Cartola passou a ser o Museu do Samba.

fonte: http://rededemuseologiasocialdorj.blogspot.com.br/

Bumbum paticumbum prugurundum – quem inventou?

Autor do antológico “Bumbum paticumbum prugurundum”, o baluarte do Império Serrano Aluísio Machado, 76 anos. Recentemente Aluísio Machado doou seu acervio pessoal para o Museu do Samba.
fonte e foto: http://museudosamba.org.br/siten/um-bamba-no-museu/

Museu do Samba – Localização

Endereço
Rua Visconde de Niteroi, 1296
Rio de Janeiro – RJ
CEP 20943-001

Telefone
(21) 3234.5777

Email
contato@museudosamba.org.br

Compartilhe